Luciano Salles é quadrinista, ilustrador freelancer da Folha de S.Paulo e 1/3 da Produtora Cultural Memento 832.
Autor das Histórias em Quadrinhos Limiar: Dark Matter (2015, Publicação Independente), L'Amour: 12 oz (2014, MINO) indicada ao 27º HQMIX, O Quarto Vivente (2013, Publicação Independente) indicada ao 26º HQMIX e da HQzine Luzcia, a Dona do Boteco (2012, Publicação Independente).

8.9.16

Participo da exposição: Lucky Luke 70 anos na Bienal de Quadrinhos de Curitiba

Lucky Luke por Luciano Salles
Olá camarada, tudo bem?

Estou no Paraná mais especificamente na Bienal de Quadrinhos de Curitiba que acontece de 8 a 11 de setembro de 2016. Ah, importantíssimo! Só conseguir vir para o evento pois sai correndo atrás de apoio cultural para minhas passagens e hospedagem na cidade. E através da Mondrian Ambiente e da World Game que consegui participar da Bienal. Deixo aqui meu agradecimento a esses dois patrocinadores! Muito obrigado Teresa Magnani e Elio Lio.

Para me encontrar vai ser fácil!

Estou na MESA 18 junto dos amigos Liber Paz e Bianca Pinheiro. Nossa mesa fica no subsolo do evento. Estarei com minhas três últimas HQ e com alguns prints que estão relacionados no post: Estarei na Bienal de Quadrinhos de Curitiba.
Lucky Luke por Luciano Salles
Mas essa postagem é para divulgar que estou participando da exposição dos 70 anos do Lucky Luke. Quando o Claudio Martini, da editora Zarabatana me convidou, recebi uma lista de personagens para escolher e de cara escolhi o Lucky Luke e Mamãe Dalton. Sempre achei a Ma Dalton uma personagem muito peculiar. Desde a forma como ela arrecada mantimentos para a caridade até suas vestimentas e acessórios.

A exposição conta com os seguintes artistas: Natalia Forcat, Marco Oliveira, Julio Shimamoto, Santiago, Mario Cau, Camilo Solano, Germana Viana, Bira Dantas, Adão Iturrusgarai, Marcatti, Luciano Salles, Gustavo Machado, Evandro Luiz, Antonio Carlos Moreira, Fernandes e Lucs Varela.

E assim, finalizando, se estiver em Curitiba nesses dias, visite o MUMA e a Bienal de Quadrinhos de Curitiba.

Fique a vontade para deixar suas impressões, se estará na Bienal de Curitiba e o que estiver afim de me dizer.

Nós vemos por lá!

Um abraço.

Luciano Salles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário