Luciano Salles é quadrinista, ilustrador da Folha de S.Paulo e 1/3 da Produtora Cultural e Editora Memento 832.
Autor da histórias em quadrinhos EUDAIMONIA (2017, Publicação independente/Catarse), indicada ao 30º HQMIX, Limiar: Dark Matter (2015, Publicação independente), L’Amour: 12 oz (2014, Editora MINO), indicada ao 27º HQMIX, O Quarto Vivente (2013, Publicação independente), indicada ao 26º HQMIX e da HQzine Luzcia, a Dona do Boteco (2012, Publicação independente), indicada ao 27º HQMIX
Contato: lucianosalles@dimensaolimbo.com

15.10.18

Superman 80 anos – desenho feito exclusivamente para a CCXP 2018

Desenho em homenagem aos 80 anos do Superman,
feito exclusivamente para a CCXP 2018.
Olá, tudo bem?

Esse ano não lançarei nenhuma nova HQ na CCXP mas, para ter alguma novidade bem legal, preparei essa homenagem aos 80 anos do Superman. Farei alguns prints da arte e também levarei o desenho original, para quem se interessa e coleciona.

Superman é um super-herói criado por Joe Shuster e Jerry Siegel e teve sua primeira aparição na revista Action Comics nº1, em 1938, nos Estados Unidos.

A ideia do desenho veio daqueles desfiles que vemos em filmes norte-americanos, como muitos papéis picados caindo dos prédios, por cima de quem assiste a parada. É como seu estivesse olhando de binóculos e visse o Superman pronto para alçar voo.

Fiz as cores e, como sempre, contei com o auxílio do craque, Marcelo Maiolo, que me ajudou nos detalhes com os contrastes. Dessa vez ele foi mais do que preciso na ajuda e em poucas palavras me mostrou o que não estava legal. Muito obrigado, Maiolo!

As cópias tamanho A3, estarão a venda por R$25,00 na minha MESA H01 da Comic Com Experience, que acontece de 6 a 9 de dezembro. É claro que meu trabalho principal são os quadrinhos e que estarão em maior quantidade na mesa mas sempre preparo desenhos inéditos para o festival. Ainda farei outro e logo divulgo aqui 😉🦇🃟

IMPORTANTE! Não sei quantas cópias farei desse desenho mas se for para a CCXP e tiver interesse em deixar reservado um exemplar do print, é só solicitar através do e-mail lucianosalles@me.com, com o título: Quero um print dos 80 anos do Superman. E não esqueça de marcar o número da minha mesa para buscar seu pôster reservado.

Fico por aqui. Deixe seu comentário, dúvida, crítica ou o que mais quiser. Você sempre será respondido.

Grande abraço!

Luciano Salles.

Lápis final por Luciano Salles
Lápis arte-finalizado. Por Luciano Salles
























Sempre no sketch podrera de 60 segundos
Desde o início a ideia era por esse ângulo






10.10.18

MESA H01: essa é a minha mesa na Comic Com Experience 2018

Olá, tudo bem?

Ontem foram divulgadas as mesas que cada artista ocupará na CCXP 2018. São mais de 540 artistas do mundo inteiro, alocados no Artists' Alley e que concorreram, através de portfólios, as tão disputadas mesas do evento.

Além das mesas, também foi divulgado o perfil de cada artista no site da CCXP e que estará no Artists' Alley. Este é meu link: https://www.ccxp.com.br/artists-alley/1109

Esse ano estarei na MESA H01 e, na última semana de novembro, faço um novo post com o que levarei para a convenção. Além de concorrer a mesa, é importantíssimo ressaltar que a mesma conta com o apoio cultural da World Game, da Mondrian Ambiente e da Portal Informática.

Elio Lio da World Game
Entenda como apoio cultural o fato de que empresas de Araraquara, cidade onde moro, foram as responsáveis por quitar o valor referente ao uso da mesa durante todos os dias do evento. Desta forma, sou muito grato aos empresários Elio Lio, responsável pela World Game e a Teresa, que responde pela Mondrian AmbienteSão pessoas da iniciativa privada que sempre apoiam a arte, cultura e o esporte na cidade de Araraquara. Deixo aqui meu sincero agradecimento pela oportunidade concedida. Também conto com o apoio da Portal Informática, dos camaradas Marcelo Piva e o Cris.


Teresa Magnani da Mondrian Ambiente
Entretanto a batalha é árdua e ainda tenho as despesas com hotel, transporte (ônibus intermunicipal, UBER e metrô) e alimentação, que ainda dependem de apoio cultural.

Desde 2014, ano da primeira Comic Con Experience, recorro a esses patrocínios para ir ao evento e esse tem sido o ano onde conseguir apoio cultural tem sido mais difícil. Geralmente, "nos outubros" anteriores, já estava com tudo certo e organizado financeiramente para o evento. Enfim, ainda estou na luta!

Para finalizar, lembre-se de anotar a MESA H01 no seu controle de "mesas para visitar". Nos vemos em dezembro na maior Comic Con das Américas.

Um abraço.

Luciano Salles.

8.10.18

Entrevista (de fôlego) para o Tapioca Mecânica e entrevista em vídeo para o Chapéu do Presto

Olá, tudo bem?

Segue entrevista em vídeo para o Chapéu do Presto, que aconteceu no Festival de Quadrinhos de Limeira e, na sequência, entrevista que concedi ao site Tapioca Mecânica, no FIQ 2018.

Confira e se quiser deixar alguma pergunta ou consideração, fique a vontade e use os comentários para isso.

Um abraço.

Luciano Salles.



Entrevista para Tapioca Entrevista – LUCIANO SALLES FIQ 2018
por Gabriel Fraga | 12 /09/ 2018 | Destaques, Quadrinhos

Na última semana de maio de 2018 ocorreu mais uma edição do tradicional Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ) em Belo Horizonte e o Tapioca Mecânica esteve lá. Foram feitas várias e interessantes entrevistas e que depois de um trabalhinho de transcrição, agora apresentaremos nessa coluna de quarta-feira.
A primeira entrevista foi com o quadrinista Luciano Salles. Muito gentil e solícito com seu tempo, Luciano nos cedeu um dos melhores bate-papos que já fizemos, além de ser muito esclarecedora sobre seus quadrinhos e seu jeito de encarar arte.

TAPIOCA MECÂNICA: No Quarto Vivente você fala do período em que viveu em Araraquara, interior de São Paulo. Parece ter sido um momento muito importante para sua formação.
LUCIANO SALLES: Eu me mudei pra Araraquara bem pequeno, com dez anos. Caí numa ruela sem saída, pequena e foi tudo que eu poderia querer: punk rock, skate e fanzine, desenhos. Tudo que eu gostava de fazer. E foi bem formador. Nessa época zine não era só desenho, não era só história em quadrinho. Tinha matéria sobre a banda de rock da cidade e aí nós mandávamos pra Recife e eles devolviam com outras matérias e fitas cassetes das bandas de lá. E eu já sabia que era isso que eu queria fazer. Isso foi em 1985…

TM: E fazia tudo isso aos dez anos, fanzine, punk rock e skate? (risos).
SALLES: Pior que sim. Eu entrei nesse mundo com dez anos e fui até os vinte e três. Andei bastante de skate, mexi muito com música, ainda mexo um pouquinho.

TM: Tocando?
SALLES: Não toco mais nada. Meu violão tá com meu pai, minha guitarra tá indo pro meu irmão, meu trompete tá parado. Às vezes faço alguma trilha pra algum espetáculo de balé ou curta-metragem. Mas isso aí ficou incrustrado em mim.
Como eu falei, em 1985, era outro mundo, cara. Você tinha que fazer uma faculdade e seguir a carreira, por isso que sempre estudei muito, sempre gostei de estudar, estudei pra caramba, sempre fui muito CDF, CDF mesmo, nem tinha nerd no Brasil ainda e foi isso. O quadrinho veio bem depois, com 37 anos.


2.10.18

Como foi o Festival de Quadrinhos de Limeira?

Festival de Quadrinhos de Limeira com Pedro Mauro
em primeiro plano, Sam Hart, Rafael De Latorre e
Marcelo Maiolo ao fundo. Foto por Luciano Salles.
 
Olá, tudo bem?

Fui um dos convidados para o 3º Festival de Quadrinhos de Limeira, uma cidade de tamanho médio e localizada no interior do estado de SP.

A cidade fica, de certa forma, próxima de São Paulo Campinas, dois grande polos. Enfim, Limeira é uma cidade muito bem localizada para acontecer um evento de quadrinhos no interior do estado.

Ao chegar na Faculdade de Administração e Artes de Limeira, local que acolheu tão bem o Festival, a sensação térmica e a poeira da estiagem compuseram uma perfeita e natural ambientação em homenagem aos 70 anos do TEX, tema do evento.

Acho que vale ressaltar que o Festival passou a ser incorporado nas datas comemorativas da Prefeitura, o que de certa forma, facilita os próximos a acontecerem com apoios e investimentos tão necessários.

Beco dos artistas ou Artists' Alley.
Foto por Luciano Salles.
O evento foi muito bem organizado. Os artistas foram acolhidos com uma excelente hospedagem no National Inn, com o ônibus nos transportando
do hotel para o evento (a cordialidade e educação do motorista do ônibus – que agora não consigo lembrar o nome – é algo que merece ser destacado). 

O Festival, ainda em sua terceira edição, já não engatinha mais. Anda com perna fortes, com passos conscientes e certeiros. O beco dos artistas, ou Artists' Alley, foi amplo, muito bem organizado e para minha surpresa, com um excelente publico de diversas cidades e também de outros estados. Fiquei extremamente feliz em ter sido lembrado e convidado pelo organizador geral de todo evento, Renato Frigo

Falando em nomes, fui vizinho de mesa do grande Sam Hart e família, tomei um longo café da manhã com o lendário Marcatti, junto do grande Pedro Mauro e do Carlos Estefan.
Os fantásticos oficiais selos do TEX!

Não posso deixar de citar e agradecer o carinho do meu amigo Marcelo Maiolo, que comprou um almoço pra mim, levou até a minha mesa e me salvou de perder alguns quilos debaixo de todo aquele calor absurdo que fazia 😅

Em suma, o Festival de Quadrinhos de Limeira, não é um evento pequeno. Atende as expectativas do pessoal do interior e também da capital que estava ali também em peso.

Fique atento para que em 2019 você possa participar! Com certeza, se estiver vivo até lá, participarei do evento para prestigiar todo o trabalho do amigo, herói e organizador, Renato Frigo.

Deixo aqui meu sincero agradecimento ao Frigo pelo convite e por toda cordialidade em me receber tão bem.

Fique a vontade para deixar seus comentários.
Beco dos artistas ou Artists' Alley.
Foto por Luciano Salles.

Todos serão respondidos.

Grande abraço!

Luciano Salles.

25.9.18

Estarei no Festival de quadrinhos de Limeira

Dylan Dog por Luciano Salles
Olá, leitor(a) do blog. Tudo bem?

Nos dias 29 e 30 de setembro sou um dos convidados para o  Festival de quadrinhos de Limeira que acontece na FAAL, Faculdade de administração e artes da cidade. O evento é gratuito, acontece no sábado (10h às 20h) e no domingo (10h às 18h), e o grande homenagem se rende aos 70º anos do personagem TEX, da grande editora Bonelli.

A editora Mythos é a grande patrocinadora do evento e no blog deles – Mythológico – é o melhor lugar onde você encontra todas as informações sobre o festival, as exposições, o local do evento, local para hospedagens com desconto muito mais.

Veja tudo aqui: https://goo.gl/zxHq1M

Preparei para o Festival essa arte do Dylan Dog, um dos grandes personagens da Bonelli e, que será vendida com tiragem limitada para a exposição Bonelli & Expo Brasil 2018. Não faço ideia de como funcionará essa venda então não terei esse pôster comigo.

A cidade de Limeira tem se mostrado importante para o cenário do quadrinho nacional. Esse já é o terceiro FLiQ que só tem crescido em suas edições.

Na cidade também tem a loja Espaço Nerd que sempre organiza eventos como lançamentos, bate-papo, sessões de autógrafos e que sempre agita a cena para os(as) aficcionados(as) por quadrinhos, cosplay e cultura pop.

Sendo assim, você que mora na macrorregião de Campinas já tem um baita esquema legal para o final de semana! Venha para o Festival de quadrinhos de Limeira.

Um abraço nós vemos lá!

Luciano Salles.

24.9.18

As ilustrações de setembro para a Folha de S.Paulo

Ilustrações para a coluna do ator Daniel Furlan, publicada todas as segundas-feiras no caderno Ilustrada,
na Folha de S.Paulo
Olá, tudo bem?

Ao invés de ficar publicando um novo post, toda segunda-feira, sobre a ilustração para a folha ilustrada, preferi consolidar todos os desenhos na última segunda-feira do mês.

Logo abaixo, junto do nome da coluna deixo o link para a leitura de cada publicação. Basta se cadastrar no site da Folha de S.Paulo para ter acesso a leitura de 10 publicações gratuitas por mês.

– O pênis https://goo.gl/bFvrnt
– Self-service https://goo.gl/yHVHK8
– O brigadeiro https://goo.gl/bfHzYj

Fique a vontade para deixar seus comentários, dúvidas e que mais desejar.

Um abraço.

Luciano Salles.



17.9.18

Na entrega do 30º troféu HQMIX

Da esquerda para direita: Serginho Groisman, Jal e
Gual. Foto por Luciano Salles.
Olá, tudo bem?

Ontem, 16/09/2018, aconteceu a entrega do 30º troféu HQMIX, o prêmio mais relevante do quadrinhos nacional. Esse ano, decidi de última hora (apesar de estar cogitando a quase um mês) assistir a apresentação. Comprei uma passagem às 23h da sexta-feira, dia 14 e, já às 11h, no dia seguinte, embarcava em um ônibus da Empresa Cruz com destino a São Paulo. Eu adoro viajar pela Empresa Cruz.

Fui um dia antes da entrega do HQMIX para prestigiar o lançamento de SHIRÔ, a nova HQ do Danilo Beyruth, que aconteceu na loja da UGRA. O evento estava com um bom público apesar de São Paulo sempre oferecer mais de dois, três ou quatro eventos no mesmo dia e com a mesma temática, ou seja, eventos relacionados as histórias em quadrinhos. Foi exatamente o que aconteceu.

Ainda não li a revista para comentar algo, mas folheando rapidamente, é notável como o Danilo sabe exatamente o que faz. Aliás, todo o álbum é de uma qualidade incrível, impecável, exatamente como a editora Darkside costuma fazer. E o Danilo é um camarada que sempre acolhe muito bem seus fãs e admiradores.

No evento encontrei camaradas leitores, autores, jornalistas, produtores e editores que lutam pelo quadrinho nacional de forma sincera. Não vou citar os nomes pois posso cometer a injustiça de esquecer alguém.

Já no domingo, cheguei no SESC Pompeia com umas duas horas de antecedência do horário marcado para a retirada do convite para dar um caminhada por aquele lugar tão bonito. Fui com meu irmão Murilo, sua esposa Adriana, minha sobrinha Julia e passamos bons momentos juntos. Chegando perto das 16h, comecei a encontrar alguns conhecidos e, novamente, não vou citar nomes pois seria injusto.

Com a apresentação iniciada, a entrega ocorreu como de costume. O Serginho Groisman, apresentador desde o primeiro HQMIX, coordenava muito bem o palco sempre junto do Gual e Jal, os idealizadores do troféu. São 30 anos de batalha pelo quadrinhos no Brasil, enfrentando diversas conturbações políticas e econômicas, financeiras e de toda variedade que somente aqui podemos oferecer. Resumindo, esses três, Gual, Jal e o Serginho Groisman são realmente batalhadores.

Aqui estão todos os vencedores do 30º troféu HQMIX onde revelo os meus votos:
– 💣 representam as categorias em que votei e levaram o troféu;
– 💚 representam os projetos onde, de alguma forma, participei;
– 😓 representam as categorias onde não votei por não conhecer o trabalho, ou por não encontrar um projeto ou candidato que contemplasse meu voto, ou por ter votado em mim mesmo, pois concorria na mesma categoria.

Vamos lá:

Adaptação para os quadrinhos Moby Dick 💣
Arte-Finalista Nacional Lu e Vitor Cafaggi 😓
Colorista Nacional Cris Peter 😓
Desenhista Nacional Marcelo D´Salete 😓 (concorri na mesma categoria)
Destaque Internacional Marcelo D´Salete 💣 
Doutorado Tecnologia e cultura nos quadrinhos independentes brasileiros por Liber Eugenio Paz 💣
Edição Especial Estrangeira Moby Dick 💣
Edição Especial Nacional Angola Janga 💣
Editora do Ano Pipoca & Nanquim 💣
Evento CCXP Comic Con Experience 💣
Exposição A Era Heroica - O Universo DC Comics por Ivan Reis 💣
Grande Contribuição Prêmio Jabuti - Histórias em Quadrinhos 😓
Homenagem Douglas Quinta Reis 💣
Homenagem Sonia Luyten 😓
Livro Teórico Desaplanar de Nick Sousanis 😓
Mestrado O Processo de legitimação cultural das histórias em quadrinhos por Beatriz Sequeira de Carvalho 
Mestre Daniel Azulay 💣
Novo Talento Desenhista Bruno Seelig 💣
Novo Talento Roteirista Carol Pimentel 😓 
Produção para outras Linguagens Traço Livre - O Quadrinho Independente no Brasil (Filme Documentário) 💣 💚
Projeto Editorial Os Mundos de Jack Kirby – Um tributo ao rei dos quadrinhos 💣 💚
Publicação de Aventura/Terror/Fantasia Meu Amigo Dahmer 💣
Publicação de Clássico Akira 💣
Publicação de Humor Marcatti 40 💣 💚
Publicação de Tira Linha do Trem - The Best Of
Publicação em Minissérie Xampu (Vol. 1, Vol. 2 E Vol. 3) 💣
Publicação Independente de Autor Alho-Poró 😓 (concorri na mesma categoria)
Publicação Independente de Grupo Orixás - Em Guerra 💣
Publicação Independente Edição Única Alho-Poró 😓 (concorri na mesma categoria)
Publicação Infantil Combo Rangers - Somos Iguais 😓
Publicação Juvenil Graphic MSP Vol.15: Chico Arvorada 💣
Publicação Mix Baiacu e Marcatti 40 💣 (Empate)
Roteirista Nacional Marcelo D´Salete 💣
TCC Naruna - Uma história sobre esculpir travessias por Mayara Lista Alcantara 😓
Web Quadrinhos Hell No! Meu pai é o diabo 💣
Web Tira Will Tirando 😓

Fico por aqui. Deixe seus comentários sobre o que achou do prêmio, se foi ao evento, o que tem achado do blog. Enfim, aqui o espaço é aberto e seu comentário será respondido em breve.

Um abraço.

Luciano Salles.