Luciano Salles é quadrinista, ilustrador freelancer da Folha de S.Paulo e 1/3 da Produtora Cultural Memento 832.
Autor das Histórias em Quadrinhos Limiar: Dark Matter (2015, Publicação Independente), L'Amour: 12 oz (2014, MINO) indicada ao 27º HQMIX, O Quarto Vivente (2013, Publicação Independente) indicada ao 26º HQMIX e da HQzine Luzcia, a Dona do Boteco (2012, Publicação Independente), indicada ao 27º HQMIX.

16.1.17

ELA: minha nova história em quadrinhos.

Emboscada Caipira de Plasma, desenho para a capa do
novo disco da banda de "Os Capial"
Olá, tudo bem?

Dois mil e dezessete (2017) chegou e com ele começo a produzir as páginas do meu novo quadrinho. Escrevi o roteiro de ELA entre os dias 15 de dezembro de 2016 até 10 de janeiro de 2017. Já tinha toda a história pronta e faltava somente colocar no papel.

Neste exato momento o roteiro está recebendo sua primeira revisão e aproveitei para fazer alguns desenhos que estavam no cronograma: um desenho para um livro de um amigo que em breve estará no Catarse e uma capa (desenho ao lado) de um CD de uma banda de grindcore, aqui de Araraquara, chamada Os Capial. Assim que o roteiro retornar com as devidas correções, começo a desenhar o tanto de páginas que tenho para fazer.

ELA é a HQ mais longa que já escrevi. Não por um motivo especial ou coisa assim. A história naturalmente pediu mais páginas, mais personagens e muito mais diálogos. Além disso, penso que essa história seja algo bem diferente do que trabalhei até agora e que publiquei dentro da trilogia, produzidas nos anos 2013, 2014 e 2015. 

Ainda não tenho data para publicar a revista (mas o que deve ocorrer dentro do primeiro semestre de 2018) e por enquanto é isso que posso escrever sobre ELA, meu novo trabalho. Logo que tiver algumas páginas desenhadas faço uma nova postagem com imagens, sinopse, personagens, número de páginas, formato e tudo mais que já puder revelar.

Aproveito para agradecer sua visita e fique a vontade para deixar suas impressões, perguntas e o que mais desejar nos comentários.

Um abraço.

Luciano Salles.