E após cinco anos de O Quarto Vivente?

Olá, Camarada! Tudo certo?

Fui convidado pelo artista Sebastião Seabra, para participar do XI Território da Arte de Araraquara – Mostra de Artes Visuais, e que neste ano, o homenageado será o próprio Seabra.

Fiquei demais de contente em ser lembrado e decidi enviar uma arte inédita.

Comecei a pensar em como estaria a situação de Juliett-e Manon, cinco anos mais tarde, no ano de 2.182. Cinco anos após a história que acontece em O Quarto Vivente. Cinco anos após os fatos.
Bem, com certeza, muita coisa muda dos 15 anos de idade até os 20 anos!

Não costumo mostrar meus rascunhos e rabiscos, mas aqui está o sketch do que estará exposto entre 03 e 27 de Setembro de 2013, no Palacete das Rosas, aqui de Araraquara.

Forte abraço!


Postagens mais visitadas deste blog

A angústia de um quadrinista da série C

Acionei meu plano B: sendo quadrinista e ilustrador, recomendo ter estratégias nas mangas

Ser ilustrador da Folha de S.Paulo