Posts

Extras : O Quarto Vivente

Rapeize, tudo certo?
Essa páginas, entrariam como extra ou bônus, na minha HQ : O Quarto Vivente.
Acabei desistindo dessas três páginas na gráfica. Para quem não sabe, eu já havia começado a desenhar a revista, quando fiz uma viagem e desse período de 21 dias, trouxe várias ideias e conceitos que utilizei em uma nova revisão no roteiro e, também, na arte.
As quatro primeiras páginas que havia desenhado tinha um traço que não me contentava. Sentia que por ali o trabalho não seguiria legal.
Se você tem a revista, pode comparar as quatro primeiras páginas com essas que descartei. Se não tem a revista, pode comprar por aqui mesmo, rs…
Baita abraço : Salles
  
Olá, Camarada! Tudo certo?
Fui convidado pelo artista Sebastião Seabra, para participar do XI Território da Arte de Araraquara – Mostra de Artes Visuais, e que neste ano, o homenageado será o próprio Seabra.
Fiquei demais de contente em ser lembrado e decidi enviar uma arte inédita.

Comecei a pensar em como estaria a situação de Juliett-e Manon, cinco anos mais tarde, no ano de 2.182. Cinco anos após a história que acontece em O Quarto Vivente. Cinco anos após os fatos.
Bem, com certeza, muita coisa muda dos 15 anos de idade até os 20 anos!
Não costumo mostrar meus rascunhos e rabiscos, mas aqui está o sketch do que estará exposto entre 03 e 27 de Setembro de 2013, no Palacete das Rosas, aqui de Araraquara.
Forte abraço!

Olá, camarada. Tudo certo?
Essa é uma das páginas que mais gosto de O Quarto Vivente. Ela é praticamente uma vírgula em toda história. Deve ser esse o real motivo da minha preferência.
Gosto do gosto das vírgulas que as histórias carregam.
Um forte abraço!
Luciano Salles.