Posts

Bom dia camarada, tudo bem?
Notícia lindona! A partir de hoje, o curta-metragem Luzcia, a Dona do Boteco, uma adaptação homônima da minha primeira HQzine, dirigida pelo cineasta Paulo Delfini, está liberado para você assistir online.
Se ainda não leu essa minha primeira experiência no mundo dos quadrinhos você pode conferir no Social Comics: Luzcia, a Dona do Boteco. Entretanto, se ainda não tem uma conta na plataforma online, pode conferir a leitura aqui mesmo, logo ao final deste post.
Vamos ao filme? Quer ler o quadrinho antes? Está tudo ai! Faça sua opção e divirta-se!
Por favor, deixe seu comentário logo abaixo sobre o que achou do filme e fique a vontade para compartilhar esse post.
Um abraço!
Luciano Salles.

 

Luzcia, a Dona do Boteco, publicada e impressa em maio de 2012.

Luzcia, a Dona do Boteco é uma história de Luciano Salles.
Olá camarada, tudo bem?
A minha primeira experiência fazendo quadrinhos foi em maio de 2012 com um fanzine – que chamo de HQzine – pelo qual tenho um enorme carinho e apreço, chamado Luzcia, a Dona do Boteco
Quando lancei a pequena revista não imaginava a reviravolta que tudo tomaria. Fiz apenas 100 números, todo cortados, dobrados e grampeados a mão e que se esgotaram com a resenha Quando David Lynch visitou um boteco e virou quadrinista brasileiroque saiu no site Contraversão em julho de 2012.

E agora a novidade é que você pode conferir esse meu primeiro experimento na fantástica plataforma do Social Comics. Se ainda não conhece a plataforma aproveite para experimentar! Tenho certeza que não vai se arrepender.
É isso, espero que goste da novidade e faça uma boa leitura.
Abraço.
Luciano Salles.
Capa do DVD Luzcia, a Dona do Boteco
Olá, tudo bem?
Dentre os mais de 2000 filmes inscritos no 17º FESTCURTASBH, o curta–metragem Luzcia, a Dona do Boteco foi um dos selecionados!
O filme foi selecionado para Mostras Especiais na categoria Maldita – Midnight e será exibido no Cine Humberto Mauro, no Palácio das Artes.
O 17º FESTCURTASBH acontecerá de 18 a 27 de setembro e logo a programação completa será divulgada.

Assista ao trailer do filme

Parabéns e muito obrigado ao cineasta Paulo Delfini e para todos envolvidos com a realização do curta, uma adaptação homônima da minha primeira HQ.

Making of

Grande abraço!

Luciano Salles.

Olá, tudo bem?

Para quem perdeu o lançamento de L’Amour: 12 oz no começo do mês de novembro em Araraquara, agora tem uma nova oportunidade! Sim, haverá o lançamento do meu novo quadrinho no SESC Araraquara. O lançamento acontece na programação Nova Leituras, no dia 18/12/2014, às 21h.

O mais legal foi o evento combo montado:

– 20h: exibição do curta-metragem Luzcia, a Dona do Boteco, uma adaptação da minha primeira HQ ao cinema, dirigido pelo cineasta Paulo Delfini. Após a exibição haverá um bate-papo comigo e com o cineasta, sobre o processo de adaptação de uma história em quadrinhos para a grande tela.


– 21h: na saída do cinema, chegando ao foyer do teatro, acontece o lançamento de L’Amour: 12 oz. Ali também haverá O Quarto Vivente e alguns prints feitos especialmente para a Comic Con Experience.

É isso. Espero você para a sessão de cinema e após, garantir seu exemplar de L’Amour: 12 oz!

Grande abraço.

Luciano Salles.

História de Marcelo Caraciolo Tucci e arte pelo Eder

Olá, camarada, tudo certo?

E com muita felicidade que atualizo o bloguesaite com a notícia que vai sair a segunda edição da revista HQuê!

Esse foi um projeto que teve início em uma Oficina que conduzi no SESC Araraquara, em maio de 2014. O grupo formado na oficina se manteve e agora lança a segunda edição da revista. Uma coletânea com 12 histórias de até quatro páginas por autor.

Recebi o convite para escrever o posfácio desta segunda edição e ainda ganhei uma baita homenagem ao ser retratado na história do Marcelo Caraciolo Tucci, desenhada magistralmente pelo Eder e que você pode conferi aqui.

Ainda não há data para o lançamento da nova edição de HQuê, mas assim que souber, compartilho com vocês!

E exatamente em cima do que foi dito nesta postagem, ontem foi publicada a minha segunda coluna no Stout Club. Escrevi sobre o ‘Famigerado Mercado dos Quadrinhos Independentes’ e minha experiência com o mesmo.

Leia a coluna na integra direto no Stout Club e conheça essa beleza de site, onde há muito sobre fotografia, artes, quadrinhos, mulher bonita e música.

Grande abraço.

Luciano Salles.

Set de filmagen de ‘Luzcia, a Dona do Boteco’.
Foto por Mariana Zago.

Olá camarada, tudo certo?

Em meados de 2012, publiquei de forma independente a HQ Luzcia, a Dona do Boteco. Essa foi realmente minha primeira inserção como autor de quadrinhos. Uma pequena história de doze páginas em uma tiragem de 100 cópias e que hoje, está esgotada. Mas, qual não foi minha surpresa e felicidade quando há 20 dias, o amigo e cineasta Paulo Delfini, quis adaptar a mesma HQ em um curta-metragem.

O diretor do curta-metragem, Paulo Delfini.
Foto por Mariana Zago.

Estás seco diabo!
Foto por Mariana Zago.

Leia Online a HQzine ‘Luzcia, a Dona do Boteco

Achei demais a ideia e logo de supetão já me adiantei afirmando que não queria me meter em nada no filme. Gosto muito de cinema mas apenas como espectador.

Dessa forma, somente aprovei o roteiro, algumas alterações, e participei da última reunião com toda equipe que participaria do filme. O acordado com o diretor, sua assistente de direção Leila Penteado e a equipe de pós-produção é que eu acompanharia na integra os dois dias de filmagens.

Feito.

Feito nada! Participei ativamente acompanhando praticamente todos os takes, na produção de cenários, desenhando, dando uns pitacos aqui, outros acolá. Enfim, foram dois dias intensos de gravações.

Queridos! Quem bebeu ‘bebesta’!
Foto por Mariana Zago.
Ainda não há data para o lançamento do curta-metragem Luzcia, a Dona do Boteco, mas assim que tiver notícias, aviso por aqui. Por enquanto, deixo essas fotos feita pela Mariana Zago, responsável pelo photo still do filme. Ah, e o mais legal também é que essa é primeira parceria da Memento 832 com Casa do Saci Audiovisual.
Grande abraço.
Luciano Salles.
[Atualizado em 15. 01. 2014]

Olá, camarada. Tudo certo?

Para quem ainda não sabe, estou no HQ Lab, do SESC Ribeirão Preto, em todas as quartas-feiras do mês de Janeiro!

Aqui, nessa breve atualização do post, um video sobre a oficina!

Cheers!

Luciano Salles.

Olá, camarada. Tudo certo?


O final de 2013 se aproxima e por consequência, 2014 vem acoplado, emendado, quase junto e com isso, convido você para participar do HQ Lab, no SESC Ribeirão Preto, onde sou o quadrinista convidado.

Meu foco será sobre quadrinhos autoral, independente e seus meios e modos de auto promoção.

Uma oficina colaborativa e aberta para a troca de ideias, onde você poderá levar seu trabalho. Vale tudo! Trabalhos em andamento, empacados, lançado e tudo mais!

Assim, espero você lá, no calor de Ribeirão Preto mas no ar condicionado do SESC, para muita conversa e quem sabe, um melhor direcionamento para seus objetivos com as bandas desenhadas!

Até dia 08…

Baita abraço

Luciano Salles.

Camarada, em Junho de 2012, lançei minha primeira HQ, ‘Luzcia, a Dona do Boteco’. Aliás, eu a chamo de HQzine, pois tem um formato A5. Todo processo foi manual então, fiz somente 100 unidade e como diria a protagonista da história: ‘Quem comprou, compraste’!

Aqui a resenha mais legal que essa pequena revista recebeu: Quando David Lynch visitou um boteco e virou quadrinista.

Uma oportunidade surgiu e nessa página você verá que existe a versão em Francês, ‘Luzcia, La Patrone Du Bistro’, que ficou muito legal.
Assim, você que tem a curiosidade de ler minha primeira revista, chegou a hora! Clique nas capas para ler.

Forte abraço, Luciano Salles!

Acabaram as 1oo unidades da minha HQ ‘Luzcia, a dona do boteco’. E como a mesma diria: …quem comprou comprastes!

Muito obrigado pelo apoio e suporte de todos que me ajudaram nessa aventura punk!



Andei um pouco afastado do blogue mas confesso que foi pura desorganização minha. Falta de tempo não existe!  Desorganização sim! 
Mas vamos lá.
Saiu uma matéria bem legal no saite SOC! TUM! POW! que é um blog de quadrinhos! Só quadrinhos! A resenha inclui também uma entrevista muito bem inserida ao texto. 
Leia toda matéria aí em baixo ou AQUI! e conheça o SOC! TUM! POW! blogue do Doctor Doctor, ou simplesmente, Gustavo Vícola.

POR DOCTOR DOCTOR EM 17 DE SETEMBRO DE 2012 NENHUM COMENTÁRIO

Dono de um estilo característico que mistura elementos como o detalhismo grotesco de Rafael Grampá e a escatologia de Lourenço Mutarelli e de Marcatti, o ilustrador paulistano Luciano Salles estreia como quadrinhista em Luzcia, a Dona do Boteco.
A HQ de 18 páginas conta a história de Luzcia, a idosa proprietária de um bar bastante decadente e com o qual ganha a vida para lidar com seu maior problema: a artrite.
“O bar de Luzcia tem uma birita batizada que é um horrorshow“, explicou Salles em entrevista concedida ao SOC!. “Ela é uma senhora que vive com uma miséria de pensão do governo e tem uma artrite generalizada. Por isso, criou lá no boteco mesmo métodos alternativos para resolver a situação. É um boteco comum, para vender cachaça. Não espere encontrar um green label lá.”
Ainda que não revele o que é esse “método alternativo”, Salles adianta: “Ela precisa pagar suas contas, seus remédios e tudo mais. Luzcia é sozinha. Então ela tem guardado um coice de mula para os momentos necessários.”
Segundo o quadrinhista, Luzcia, a Dona do Boteco foi criada para que ele pudesse se apresentar no mercado de quadrinhos e com a conclusão do trabalho, já prepara sua segunda HQ autoral: O Quarto Vivente. “Era para ser uma história bizarra que depois de pronta se mostrou uma história de amor. Bom, pelo menos no meu ponto de vista”, explicou.
Com tiragem limitada, Luzcia, a Dona do Boteco custa R$ 15 e está em vias de esgotar. Os interessados devem encomendá-la através do blog Dimensão Limbo ou entrar em contato direto com o próprio Salles através do e-mail lucianosalles@me.com.
Veja abaixo algumas páginas da HQ:
 
Após ler o material, percebi o maior problema dessa HQ é ser curta. Afinal, a arte de Salles é rica e entretém a cada quadro. Com seu estilo grotesco e incômodo, ele se destaca dentro de sua proposta e faz um trabalho muito criativo. Ao final, estamos órfãos de sua arte e ansiosos pelo próximo trabalho. Espero que não tarde a sair.
Para finalizar, um vídeo de Luzcia, a Dona do Boteco:

Escrito por Doctor Doctor