Posts

Teresa, eu e a Gabriela, na Mondrian Ambiente, empresa
que me apoia para ir pra CCXP 2019
Olá, tudo bem?
Desde 2014, ano da primeira Comic Con Experience, procuro apoio cultural para ir ao evento. O custo total que 5 dias de convenção mais dois dias extras (um antes e outro depois do trabalho), pesa no bolso.
Viagens, transporte dentro da cidade de São Paulo além de ir e voltar todos os dias para o evento, alimentação, aluguel da mesa da CCXP, cafés (muitos) e principalmente, hospedagem, quando somados na ponta do lápis, avoluma-se em uma alta fatura.
Tenho vários pontos onde me hospedar em SP mas procuro ficar em um hotel bem próximo ao São Paulo EXPO – que é o prédio que acolhe a CCXP – pois consigo chegar rápido depois do dia de trabalho e assim descansar um pouco, fazer livro caixa do dia, me alimentar tranquilamente para o próximo e intenso dia de evento.
No meu caso, participar de uma convenção desse porte e sabendo que em alguns dias terei uma fatura a pagar, só traria ansiedade em fazer vendas e mais vendas para a quitar a dívida e contabilizar meu lucro. Poderia me levar a perder a espontaneidade e interação que tanto gosto de ter com as pessoas que conhecem e apreciam meu trabalho como as que ainda não.
E assim, para a CCXP 2019, renovei o apoio cultural com a Mondrian Ambiente, que aceitou cuidar da mesa do evento. Gosto de usar a palavra “cuidar” pois é exatamente isso! Sei que enquanto estiver sentado ali, trabalhando, vendendo e autografando algumas revistas, minha atenção também estará na materialização de um pedaço da Mondrian ali comigo, dando suporte e tranquilidade.
Agradeço a Teresa e a Gabriela, que me acompanham desde 2012 nesta caminhada e, como sempre comento com elas, tenho a Mondrian com uma extensão da minha casa.
Aliás, você que mora em Araraquara já conhece a Mondrian? Se sim, sabe que é realmente um lugar especial e agradabilíssimo. Se ainda não conhece, programe-se para passar algumas horas ali e conhecer tudo o que o espaço pode oferecer.
É isso!
Grande abraço.
Luciano Salles.
Fráuzio Frenesi Tesão, por Luciano Salles

Olá, tudo bem?


Estarei no UGRA Fest, que acontece no SESC Belenzinho, nos dias 08 e 09 de julho. Na realidade, estarei somente no dia 09, perambulando por ali, com apenas 5 edições de Limiar: Dark Matter e O Quarto Vivente.

Um dos destaque do evento é a exposição Marcatti 40, que celebra os 40 anos de empenho aos quadrinhos do grande Marcatti! Fui convidado para participar desta exposição. Todos os artistas convidados tinham a deliciosa tarefa de fazer um Fráuzio, icônico personagem lazarento que somente poderia ter saído da mente do Marcatti.

Apesar de não ter mesa junto dos quadrinistas, meu amigo Bräo abriu uma brecha na sua para me acolher neste domingo.

Então, se estiver em SP, está feito o convite para visitar o UGRA Fest, no SESC Belenzinho, conhecer um monte de quadrinistas independentes e seus

Sketch de Fráuzio Frenesi Tesão, por Luciano Salles

trabalhos além de poder apreciar a exposição Marcatti 40.

Nos vemos no domingo!
Um abraço.

Luciano Salles.

Lucky Luke por Luciano Salles
Olá camarada, tudo bem?
Estou no Paraná mais especificamente na Bienal de Quadrinhos de Curitiba que acontece de 8 a 11 de setembro de 2016. Ah, importantíssimo! Só conseguir vir para o evento pois sai correndo atrás de apoio cultural para minhas passagens e hospedagem na cidade. E através da Mondrian Ambiente e da World Game que consegui participar da Bienal. Deixo aqui meu agradecimento a esses dois patrocinadores! Muito obrigado Teresa Magnani e Elio Lio.
Para me encontrar vai ser fácil!
Estou na MESA 18 junto dos amigos Liber Paz e Bianca Pinheiro. Nossa mesa fica no subsolo do evento. Estarei com minhas três últimas HQ e com alguns prints que estão relacionados no post: Estarei na Bienal de Quadrinhos de Curitiba.
Lucky Luke por Luciano Salles

Mas essa postagem é para divulgar que estou participando da exposição dos 70 anos do Lucky Luke. Quando o Claudio Martini, da editora Zarabatana me convidou, recebi uma lista de personagens para escolher e de cara escolhi o Lucky Luke e Mamãe Dalton. Sempre achei a Ma Dalton uma personagem muito peculiar. Desde a forma como ela arrecada mantimentos para a caridade até suas vestimentas e acessórios.

A exposição conta com os seguintes artistas: Natalia Forcat, Marco Oliveira, Julio Shimamoto, Santiago, Mario Cau, Camilo Solano, Germana Viana, Bira Dantas, Adão Iturrusgarai, Marcatti, Luciano Salles, Gustavo Machado, Evandro Luiz, Antonio Carlos Moreira, Fernandes e Lucs Varela.
E assim, finalizando, se estiver em Curitiba nesses dias, visite o MUMA e a Bienal de Quadrinhos de Curitiba.

Fique a vontade para deixar suas impressões, se estará na Bienal de Curitiba e o que estiver afim de me dizer.

Nós vemos por lá!

Um abraço.

Luciano Salles.