"Preciso Contar" é o nome do texto encomendado pela revista LACUNA, onde conto sobre minha relação e parceria de coluna com Contardo Calligaris.

Ilustração para o texto "Preciso Contar"

Fui convidado pelo colega e psicanalista Diego Penha para algo não habitual: escrever um texto para a revista LACUNA. Para além das palavras, deveria, também, ilustrar a coluna que conta sobre os quase dois anos que trabalhei diretamente com o Contardo Calligaris. Optei por fazer um texto curto, assim como foi nossa parceria e amizade.

Nota: apesar da revista ter sido publicada em 02 de setembro de 2021, o texto foi encomendado e redigido no começo do mês de junho.

Ilustrei as colunas do Contardo, publicadas na Folha de S.Paulo, entre abril de 2019 até seu falecimento, em março de 2021. Fizemos um excelente trabalho e tivemos a melhor das relações; foi um lindo período que pude viver e que sinto falta.

Como sempre faço, disponilizo aqui o link para sua leitura no site da revista online LACUNA, que é uma publicação que se intitula como uma revista de "psicanalise na cultura". Se ainda não conhece, vale uma boa imersão por ali. Também destaco, logo abaixo, um trecho do que escrevi.

Deixo um abraço e agradecimento especial ao amigo Audaci Junior, o melhor revisor que poderia ter.

Fique bem.

Luciano Salles.


Preciso Contar

(...)

A voz dele parecia mais carregada de sotaque do que lembrava já ter escutado. Tinha motivos para ficar nervoso ao conversar com ele. A conversa persistiu por, talvez, 5, 10 minutos. Pouco falei, apenas “sins” e “nãos”.

Após algumas poucas colunas publicadas e do trabalho engrenado, surgiu a oportunidade de ir para São Paulo. Avisei da minha visita à cidade e marcamos o café. Ele me convidou para que fosse em sua casa, mas preferi que fosse em uma cafeteria, afinal, tinha motivos para.

Já no local, em uma mesa para três, o Contardo chegou com um amplo sorriso e nos abraçamos (era um outro mundo, diferente do que hoje vivemos). A conversa fluiu por uma, duas, quase três horas e nos despedimos com outro abraço, esse mais demorado. Alguma coisa havia se encaixado ali, para além do escritor com o ilustrador. Mais, ainda.

As publicações fluíam bem, estruturavam minha semana e, mesmo depois de muito falarmos (para além do trabalho também), eu escondia algo dele.

Continue a leitura aqui: Preciso Contar, por Luciano Salles

Postagens mais visitadas deste blog

21 dicas para um(a) quadrinista independente.

10 dicas de como precificar sua arte original ou como devo cobrar por uma "commission"?

A entrevista com as melhores perguntas que já respondi