Postagens

Mostrando postagens de Março, 2017

Amanhã estarei na Quanta Academia de Arte em São Paulo

Imagem
Olá, tudo bem?
Amanhã tenho um compromisso em São Paulo e ficarei grande parte do dia na Quanta Academia de Artes.  Devo chegar antes do almoço e ficar até o começo da noite. Se estiver de boa e interessado em comprar alguns dos meus trabalhos em quadrinhos, prints, pequenos originais, trocar ideia sobre desenhos, HQs, ilustração ou mesmo pagar um café para mim (isso é brincadeira tá, mas aceito 😉) é só me procurar por lá.
Aproveito para agradecer ao Marcelo Campos em sempre ser tão solidário e acolhedor.
A Quanta fica na Rua Dr. José de Queiroz Aranha, 246 na Vila Marianabem perto do metrô Ana Rosa. No vemos por lá.
Um abraço.
Luciano Salles.

O processo criativo de “ELA”, nova HQ de Luciano Salles. Entrevista para Revista O Grito

Imagem
Olá, tudo bem?

Saiu uma pauta bem legal e com entrevista, na Revista O Grito. Paulo Floro conversou comigo por e-mail. Logo abaixo inseri toda matéria e clicando aqui, você vai direto para a revista.

Espero que curta o texto e fique livre para perguntas aqui no blog.

Um abraço.

Luciano Salles.

ENTREVISTA
Entrevista: O processo criativo de “ELA”, nova HQ de Luciano SallesPor @paulofloro· 22 de março de 2017, 11:35 


Luta livre, detalhismo em preto e branco, protagonista feminina forte. Os bastidores da nova HQ do autor de O Quarto Vivente Demorou apenas três obras para que Lucianno Salles se tornasse um dos quadrinistas com uma das assinaturas mais marcantes de sua geração. Parte de um momento muito criativo (e prolífico) das HQs nacionais ele foi responsável pela trilogia L’Amour: 12 ozO Quarto Vivente e Limiar: Dark Matter, em que mistura elementos de ficção científica e toques de surrealismo. Antes disso ele lançou uma outra HQ independente, Luzcia, a Dona do Boteco.  Agora…

A primeira entrevista sobre ELA

Olá, tudo bem?
O site Quadrinhosfera, através do Luan Zuchi, entrou em contato e faz uma pequena entrevista sobre ELA. Você pode conferir toda entrevista aqui mesmo ou aproveitar, ler a entrevista e conhecer o Quadrinhosfera.
Um abraço.
Luciano Salles.
11/03/2017 Luan Zuchi entrevista: Luciano Salles (Falamos sobre ELA, a próxima HQ do autor)
1 - Olá, Luciano! Tudo bem por aí? Muito trabalho nas páginas de ELA, sua nova HQ, eu acredito. E afinal de contas: Quem é ELA?
Olá Luan, tudo bem sim. Bom, não vou dar assim de bandeja quem é ELA mas acho que posso dizer que ELA é tudo que permeará essa minha nova história em quadrinhos. Essa é uma boa resposta.

2 - Nos seus trabalhos anteriores, você construiu um universo futurista com uma cultura própria e um novo português. Li em algum post seu que O Quarto Vivente, Limiar e L’amour compunham uma trilogia. Sendo assim, ELA será o começo de uma nova trilogia?
Não. Tenho a certeza que não será o começo de uma nova trilogia. Afirmo isso até pelo fato…

ELA [informe 02]

Imagem
Olá, tudo bem?

Continuo as atualizações com os informes sobre minha nova HQ. Sigo a numeração de ELA [informe 01]. Vamos lá!
7. O item 6 (seis) da postagem anterior, diz: "Reparou que não coloquei imagem com desenho neste post? Essas imagens só bem mais pra frente". Pois bem, decidi mudar o andamento de algumas coisas e por isso você já está conferindo estas duas imagens do quadrinho.

8. Todas as diretrizes para a impressão da revista já foram tomadas e com isso já consegui orçamentos para conhecer os reais valores das gráficas.

9. O desenho em preto e branco tem me tomado bastante tempo.

10. Desenhar as páginas de ELA tem me deixado bastante contente exatamente pelos desafios que esse contraste impõe. E esse estímulo tem me levado a cuidar de cada linha traçada.

11. Este vídeo, em velocidade acelerada, é do quadro 4, inserido na página 03.

12. Recebi de um editor o interesse em publicar ELA. Gostei da a proposta.

13. Ainda não decidi como a revista será publicada e não tenho…

A versatilidade dentro do seu traço

Imagem
Olá, tudo bem?
Essa postagem se originou após conversar com um colega. Dois mil e dezessete (2017) é o aniversário de centenário de grande criador de mundos, Jack Kirby. Se ele estivesse vivo, acredito eu, estaria somente mais magro e talvez com um pouco menos de cabelo?
A partir disso, veio a ideia do desenho o busto de Kirby como se tivesse 100 anos. E ainda com um detalhe! Fazer da forma mais realista possível dentro do meu estilo de desenho.
Por vezes faço alguns exercícios assim. Tento desenhar algo mais realista até algo caindo mais para o cartoon, entretanto, sempre dentro do meu traço. É um exercício bem legal de se fazer para você que se propõe a ser um desenhista ou ilustrador. Como também trabalho com ilustrações (basicamente para a Folha de S.Paulo), sempre que posso faço esse desafio.
O desenho ao lado, de Jack Kirby, em lápis, nanquim e aguada de nanquim, foi uma tentativa ir ao mais realista possível dentro do meu traço. Já o desenho do menino, mais cartunesco, fantasi…