Juliett-e Manon, cinco anos após O Quarto Vivente.

Olá, camarada. Tudo certo?

Fiz essa peça para a exposição, em homenagem ao artista araraquarense Sebastião Seabra, dentro do XI Território da Arte de Araraquara – Mostra de Artes Visuais.

Fui convidado e pensei em fazer um desenho inédito. Ao primeiro momento e, na postagem anterior, meu rascunho sugeria três personagens. Mas decidi somente por essa pin-up.

Se ficou interessado na história, através da ilustração, já está na hora de você garantir seu álbum O Quarto Vivente.

Forte abraço!

Luciano Salles.






Postagens mais visitadas deste blog

21 dicas para um(a) quadrinista independente.

10 dicas de como precificar sua arte original ou como devo cobrar por uma "commission"?

A entrevista com as melhores perguntas que já respondi